publicado por adm | Terça-feira, 20 Abril , 2010, 23:58

Apesar da divergência de opiniões em relação ao significado de “alimentação saudável”, os especialistas em nutrição estão de acordo em considerar essencial o consumo diário de cereais, preferencialmente na sua forma integral. Estes alimentos desempenham um importante papel de prevenção de doenças como o cancro, doenças cardiovasculares, diabetes, entre outras.

Apesar de serem cada vez mais evidentes os benefícios da ingestão de cereais integrais, os consumidores portugueses revelam algum desconhecimento sobre esta temática, fazendo por vezes algumas associações pouco correctas.

De acordo com um estudo realizado pela Taylor Nelson em Portugal, junto de 1007 adultos, com idades superiores a 15 anos, cerca de 46% dos homens afirmou não consumir qualquer refeição de Cereais Integrais por dia, enquanto 24% consome apenas uma.

Sobre o índice de conhecimento relativamente ao tema cereais, 48% dos homens e 51% das mulheres revelaram que já ouviram falar sobre este assunto, mas não saberem muito sobre o mesmo. Apenas 8% dos homens e 7% das mulheres portuguesas revelaram que sabem exactamente o que são cereais integrais e quais os seus benefícios.

Sobre as reais motivações para a ingestão de cereais integrais, a grande maioria dos homens (63%) escolheu o facto de ser benéfico para o funcionamento do sistema digestivo, enquanto os residentes da Grande Lisboa e Grande Porto apontam a prevenção de doenças cardiovasculares como a principal razão para o consumo destes alimentos.

O consumo de cereais integrais, como o arroz integral, o trigo em grão, a aveia e a cevada desempenham um importante papel na prevenção de doenças, porque são uma importante fonte de vitamina B e E, de fibras dietéticas, cobre, zinco e magnésio.

Estes alimentos desdobram-se lentamente no organismo e são absorvidos nos intestinos, o que fornece uma energia gradual e uma maior resistência física. A absorção dos cereais ajuda à manutenção dos níveis de energia e vitalidade, para além de diminuir a sensação de cansaço.

Redução do colesterol e prevenção de doenças cancerígenas

A redução do colesterol é igualmente um dos benefícios do consumo de cereais integrais.

A fibra solúvel, que se mistura com a água contida no leite (como base dos cereais consumidos ao pequeno-almoço) pode levar a uma redução de 16% do colesterol em apenas seis semanas de consumo, de acordo com um estudo publicado pela Associação Médica Americana.

A prevenção de doenças cancerígenas é igualmente uma realidade no consumo de cereais. As fibras insolúveis contidas nos cereais passam intactas pela digestão, empurrando as substâncias encontradas no complexo processo de digestão, revelando grande sucesso na prevenção do cancro do cólon.

Principais benefícios do consumo de Cereais Integrais:

– o aumento do tempo de mastigação e salivação;

– o esvaziamento da vesícula biliar;

– o atraso na absorção de glicose;

– o aumento do volume, fluidez e velocidade de progressão das fezes; – facilitar a defecação;

– influenciar a flora intestinal, favorecendo a acção das bactérias benéficas.


pesquisar neste blog
 
links